Segunda-feira, 13.10.14

APAREÇAM !

- 18 de outubro
- Seminário de Cristo Rei - Gaia
- 21h30

 

 

 

A primeira actividade deste ano do Centro Espiritualidade Redentorista será um ConcertOração oferecido por um grupo de jovens chamado Sol Nascente, da Paróquia de Lama - Santo Tirso. Eles apostam na música de mensagem como caminho de vivência da Fé e Evangelização. Já lançaram um CD que, certamente, estará também disponível no final do ConcertOração que vão proporcionar-nos.

Contamos convosco !



publicado por Ana Montenegro às 23:40 | link do post | comentar

Domingo, 06.07.14


publicado por Ana Montenegro às 13:02 | link do post | comentar

Domingo, 22.06.14
Hoje os meninos do 3º volume Celebraram em Família a Festa da Eucaristia. Uma Festa com muitos Sorrisos, Alegria, Música e, sobretudo, com muita gente Bonita reUnida por uma causa Comum, porque Acreditam que o jeito de viver de Jesus é O jeito de viver !

 

 

Obrigado, OBRigado, OBRIGAdo, OBRIGADO ! :))

Obrigado por tudo e por todos e por cada um de vós!
Obrigado porque assim faz sentido, porque viver deste jeito faz-me Feliz!
Obrigado por serem Suporte destes meninos maravilhosos e obrigado pelos Sorrisos deles 

Obrigado Pai por nos Sonhares Felizes ! 

 



publicado por Ana Montenegro às 20:34 | link do post | comentar

Domingo, 11.05.14

Hoje foi assim que nos sentimos.. parte de uma Comunidade que procura estar ao Serviço do Outro de várias formas, uma delas através do Dom da Partilha!

 

Hoje os meninos do 3º volume sentiram-se enviados por toda a Comunidade e entregaram à Casa Jovem todos os bens alimentares e material escolar que conseguimos comprar graças ao dinheiro que conseguimos juntar na nossa Venda Solidária.

 

Antes da entrega houve partilha.. Partilha e cruzamento de histórias.. A representante da Casa Jovem que Celebrou connosco a Eucaristia das 10h00 conversou um pouco sobre as crianças que estávamos a ajudar.. que idade tinham, qual o seu contexto familiar, qual o seu contexto sócio-económico, como é o seu dia-a-dia,.. Depois foi a nossa vez e muitas foram as questões que surgiram..

 

"Mas porque é que algumas crianças não têm pais?"

"Porque é que os pais abandonam os filhos?"

"Eles têm os pais presos? Então vivem com quem?"

"Se eles não têm dinheiro para comer como é que conseguem viver?"

"Porque é que eles não vieram aqui visitar-nos? Podiam ter vindo conhecer-nos.."

 

...

 

As perguntas foram sendo respondidas, mas ao mesmo tempo, foi notório que a sede de saber mais sobre o Outro não foi saciada..

 

Colocamos mãos à obra e enchemos a mala do carro com sacos cheios de bolachas, cereias, resmas de folhas, marcadores, plasticina, etc.. A mala não chegou!! Alguns sacos foram no banco de trás do carro.. E que bom que foi ver que a mala de um carro não chegava !

 

Mas como partilhava há pouco.. a sede continua presente. As questões não foram todas respondidas e uma certeza foi partilhada entre todos: queremos continuar a fazer a diferença na Vida do Outro, porque só assim podemos marcar a diferença na nossa própria Vida !

 

E assim foi uma catequese de poucas palavras.. De gestos Bonitos e de muitas questões que espicaçam o nosso coração! Sentimo-nos um pouco mais perto destas crianças que precisam continuamente do Cuidado do outro e HOJE sentimos que pudemos ser esse Outro. Partilhamos um sentimento de Comum União com crianças que nunca vimos, mas que já marcaram a nossa vida..

 

E foi assim começamos a Celebrar! Foi assim que começamos a perceber a importância da Festa que estamos a preparar. Os convites já foram distribuídos, agora iremos continuar a prepara-la com o Suporte da nossa Família !



publicado por Ana Montenegro às 23:39 | link do post | comentar

Segunda-feira, 05.05.14

Hoje é apenas isto !

 

http://gritabemalto.blogs.sapo.pt/92110.html

 

Obrigado !



publicado por Ana Montenegro às 20:28 | link do post | comentar

Quinta-feira, 01.05.14

Porque desde a terça-feira passada que ando a saborear ISTO. Se calhar não é desde terça-feira, se calhar já tem vindo a acontecer ao longo dos últimos tempos, mas terça-feira, ao entardecer, teve um sabor muito especial. E, por isso, quero partilhar com vocês ISTO. A Palavra que é verdadeiramente fonte de Vida, a Palavra que transforma, que vira do avesso, que muda lógicas e que RESGATA. A Palavra que se fez Vida em Jesus Cristo.

 

E mais do que agradecer pela Palavra, quero agradecer às Bonitas mediações que tenho na minha vida. Às Pessoas que me vão resgatando, que me fazem sentir PERTENÇA de algo muito Bonito e muito Bom! Hoje, um obrigado especial a quem me virou lógicas do avesso sem eu contar, a quem se fez Presente na minha Vida de uma forma peculiar (ao ponto de ser totalmente inesperado!), a quem chamo de IRMÃ com o maior orgulho do mundo, porque sei que o CAMINHO percorrido foi de mãos dadas, tendo que deixar para trás lógicas retrogradas e sem sentido. Porque assim tem outro SABOR :)

 

40 1Consolai, consolai o meu povo,
é o vosso Deus quem o diz.
2Falai ao coração de Jerusalém e gritai-lhe:
«Terminou a vossa servidão,
estão perdoados os vossos crimes,
pois já recebeu da mão do SENHOR
o dobro do castigo por todos os seus pecados.»
3*Uma voz grita: 
«Preparai no deserto o caminho do SENHOR,
aplanai na estepe uma estrada para o nosso Deus.
4Todo o vale seja levantado,
e todas as colinas e montanhas sejam abaixadas,
todos os cumes sejam aplanados,
e todos os terrenos escarpados sejam nivelados!»
5Então a glória do SENHOR manifestar-se-á,
e toda a gente a há-de ver ao mesmo tempo.
É o SENHOR quem o declara.
6Diz uma voz: «Proclama!»
Respondo: «Que hei-de proclamar?»
«Proclama que toda a gente é como a erva 
e toda a sua beleza como a flor dos campos!
7A erva seca e a flor murcha, quando o sopro do SENHOR passa sobre elas.
Verdadeiramente o povo é semelhante à erva.
8A erva seca e a flor murcha,
mas a palavra do nosso Deus permanece eternamente.»
9Sobe a um alto monte, arauto de Sião.
Grita com voz forte, arauto de Jerusalém;
levanta a voz, sem receio, e diz às cidades de Judá:
«Aí está o vosso Deus!
10Olhai, o Senhor DEUS vem com a força
do seu braço dominador;
olhai, vem com o preço da sua vitória,
e com a recompensa antecipada.
11É como um pastor que apascenta o rebanho,
reúne-o com o cajado na mão,
leva os cordeiros ao colo,
e faz repousar as ovelhas que têm crias.»

 

 

Nada temas, eu te resgatei

Nada temas, te chamei pelo teu nome

Tu és meu! Tu és meu !

 

Se tiveres que atravessar o mar

Eu te conduzirei sobre as águas.

Se tiveres de atravessar o fogo

Nem um cabelo teu se queimará.

 

Tu és precioso aos meus olhos,

Eu te estimo e te amo como ninguém!

Tu és meu! Tu és meu!

 

44 1«Mas agora ouve-me, Jacob, meu servo,
Israel a quem escolhi:
2Eis o que diz o SENHOR que te criou,
que te formou desde o seio materno e te socorre:
«Nada temas, Jacob, meu servo,
e Jechurun, que Eu escolhi.
3Vou derramar água sobre o que tem sede,
e fazer correr rios sobre a terra árida.
Vou derramar o meu espírito sobre a tua posteridade,
e a minha bênção sobre os teus descendentes.
4Crescerão como erva junto das fontes,
como salgueiros junto das águas correntes.
5*Um dirá: 'Eu sou do SENHOR';
outro reclamará para si o nome de Jacob;
outro se tatuará no braço:
'Pertenço ao SENHOR',
e receberá o sobrenome de Israel.»

 

Nada temas, eu te resgatei

Nada temas, te chamei pelo teu nome

Tu és meu! Tu és meu !

 

Sou um Rei sem reino e sem trono

Entreguei-me em teu lugar

Nada neste mundo me interessa

Se não tiver o teu amor

 

Tu és precioso aos meus olhos,

Eu te estimo e te amo como ninguém!

Tu és meu! Tu és meu!

 

43 1E agora, eis o que diz o SENHOR,
o que te criou, ó Jacob,
o que te formou, ó Israel:
«Nada temas, porque Eu te resgatei,
e te chamei pelo teu nome; tu és meu.
2Se tiveres de atravessar as águas, estarei contigo,
e os rios não te submergirão.
Se caminhares pelo fogo, não te queimarás,
e as chamas não te consumirão.
3*Porque Eu, o SENHOR, sou o teu Deus;
Eu, o Santo de Israel, sou o teu salvador.
Entrego o Egipto por teu resgate,
a Etiópia e Seba em troca de ti.
4Visto que és precioso aos meus olhos,
que te estimo e te amo,
entrego reinos em teu lugar,
e nações, em vez da tua pessoa.
5Não tenhas medo, que Eu estou contigo.
Trarei do Oriente os teus filhos,
e congregarei do Ocidente os que te pertencem.
6Direi ao Norte: 'Devolve-os!'
E ao Sul: 'Não os retenhas!'
Tragam-me os meus filhos lá de longe,
e as minhas filhas dos confins da terra.
7São todos aqueles que têm o meu nome,
que Eu criei para a minha glória,
que Eu fiz e formei.»

 

Nada temas, eu te RESGATEI

Nada temas, te chamei pelo teu NOME

TU ÉS MEU! TU ÉS MEU !

 

 

E porque a nossa VIDA é feita de PESSOAS e porque essas PESSOAS são chamadas pelo NOME, hoje quero agradecer por ti, Andreia, por fazeres parte de mim e do CAMINHO que quero fazer nisto que é SER CRISTÃO, nisto que é SER COMO e COM JESUS!



publicado por Ana Montenegro às 00:04 | link do post | comentar

Domingo, 06.04.14

http://www.eas.pt/este-video-explica-te-o-verdadeiro-sentido-da-vida-em-apenas-3-maravilhosos-minutos/

 

 



publicado por Ana Montenegro às 20:16 | link do post | comentar

Sexta-feira, 21.03.14

Obrigado Pai !

 

Obrigado porque, mais uma vez, valeu a pena! Valeu a pena abrir o coração, começar a sarar as feridas e dar as mãos.. Que bom que é quando nos sentimos com o coração carregado de tanto e ao mesmo tempo tão leve..

 

Obrigado por estes sentimentos contraditórios que dão todo o sentido à vida! Obrigado por não desistires de nós, por nos chamares constantemente a Ser com os outros!



publicado por Ana Montenegro às 00:46 | link do post | comentar

Quarta-feira, 05.03.14


publicado por Ana Montenegro às 15:39 | link do post | comentar

Domingo, 02.03.14



(O Reino dos Céus é semelhante a um rato de computador: não basta assinalar com a setinha - é preciso carregar e, frequentemente, até duas vezes.)



Sejamos audazes !


Cliquemos as vezes que forem necessárias, porque assinalar não basta, porque, às vezes, um só clique não basta. Sejamos persistentes!



Obrigado Pai porque foi este o Teu primeiro sinal junto dos meus Irmãos !

Obrigado porque continua a fazer sentido na minha Vida.

Obrigado porque me chamas constantemente a fazer parte do Teu Reino !


publicado por Ana Montenegro às 16:59 | link do post | comentar

Sábado, 01.03.14


publicado por Ana Montenegro às 17:31 | link do post | comentar

Domingo, 23.02.14

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Ouvistes que foi dito aos antigos: ‘Olho por olho e dente por dente’. Eu, porém, digo-vos: Não resistais ao homem mau. Mas se alguém te bater na face direita, oferece-lhe também a esquerda. Se alguém quiser levar-te ao tribunal, para ficar com a tua túnica, deixa-lhe também o manto. Se alguém te obrigar a acompanhá-lo durante uma milha, acompanha-o durante duas. Dá a quem te pedir e não voltes as costas a quem te pede emprestado. Ouvistes que foi dito: ‘Amarás o teu próximo e odiarás o teu inimigo’. Eu, porém, digo-vos: Amai os vossos inimigos e orai por aqueles que vos perseguem, para serdes filhos do vosso Pai que está nos Céus; pois Ele faz nascer o sol sobre bons e maus e chover sobre justos e injustos. Se amardes aqueles que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem a mesma coisa os publicanos? E se saudardes apenas os vossos irmãos, que fazeis de extraordinário? Não o fazem também os pagãos? Portanto, sede perfeitos, como o vosso Pai celeste é perfeito».

 

Mt 5, 38-48

A Boa Nova, o Evangelho, que o Filho de Deus nos revelou, é o ponto mais alto aonde a palavra de Deus guiou os homens. Tudo o que antes dessa Boa Nova foi dito encaminhava-se para a revelação que o Evangelho do Senhor Jesus nos manifestou. Se o Antigo Testamento nos ensinava a amar os amigos, o Novo Testamento vai mais longe e ensina-nos a amar até os inimigos. É assim que se ama como Ele nos amou; e será ao reconhecerem o amor de Deus no nosso coração que os outros serão levados a amá-l’O também.

 

 

Pai, hoje quero contar-Te um segredo...

 

Eu sou muito medricas sabes? Costumo ser muito avessa à mudança e então ao inesperado nem se fala!

 

Mas Tu tens tratado de fazer das Tuas e ultimamente sinto-me constantemente chamada a ir mais longe, a superar expectativas e desafios, por muito que às vezes custe a perceber que é disso que se trata...

 

E hoje quero Agradecer-Te por isso! Por me desafiares constantemente, por me pores à prova e por me pores em causa. Obrigado também porque só me lanças estes desafios porque sabes que não estou sozinha, porque sabes que a minha Vida é feita de gente muito Bonita!

 

Obrigado por me dares a volta, por pores o mundo às avessas e no final de contas me conseguires mostrar que assim é que faz sentido, na perspetiva do Amor que tudo pode e tudo transforma.

 

Obrigado por todos os cliques que ainda Te atreves a fazer na minha Vida!



publicado por Ana Montenegro às 13:07 | link do post | comentar

Quinta-feira, 20.02.14

 

Depois de termos escutado a história de vida de Santo Afonso, chegou a hora de descobrirmos um pouco mais sobre a Congregação que ele fundou e como é que esta chegou até aos dias de hoje.

Nesta catequese conjunta tentaremos responder a algumas perguntas:

"Como surgiu a Congregação do Santíssimo Redentor?"
"Quais os pilares da Congregação?"
"O que distingue um Redentorista?"

.. Entre muitas outras..

Contamos convosco !!

 

 



publicado por Ana Montenegro às 16:49 | link do post | comentar

Sábado, 08.02.14

A Vida com Letra Grande...

A Originalidade Humana...

Nascemos talhados para o encontro e a comunhão. Eis a razão pela qual a plenitude da pessoa não está em si, mas na comunhão com os outros. O ser humano está a realizar-se em duas dimensões: a exterior ou eu individual e a interior que é o eu pessoal-espiritual. A nossa interioridade espiritual emerge no íntimo do ser individual como o pintainho dentro do ovo.

Virá um dia em que a casca do ovo vai rebentar e o pintainho nasce para a comunhão universal. A morte é este rebentamento da casca do ovo, condição para que o pintainho possa atingir a sua plenitude na Comunhão Universal do Reino de Deus. Nesta comunhão cada pessoa é um ponto de encontro que nos ajuda a entrar em comunhão com a Humanidade e a Divindade. É como um “hiperligação” através do qual podemos conectar com Deus e o Homem. A maneira correcta de abrir este “hiperligação” é abeirar-nos dele com respeito pela sua dignidade de pessoa humana e venerando nele a sua condição de filho amado de Deus. O drama está quando o “hiperligação” se enrosca sobre si mesmo. Neste caso, deixa de ser uma mediação para, através dele, encontrarmos Deus e o Homem.

Nascemos para renascer. Na verdade, o ser humano emerge como pessoa capaz de encontro e comunhão. À medida que emerge, a pessoa converge para a comunhão universal do Reino de Deus. A nossa interioridade pessoal emerge chamada à comunhão e com a densidade da vida eterna. Na verdade, a plenitude humana não acontece nas pessoas isoladas, mas na comunhão orgânica da Humanidade. Eis a razão pela qual só existe uma Humanidade, apesar de serem biliões as pessoas que a constituem. Do mesmo modo, Deus é apenas um, apesar de ser uma comunhão de três pessoas. Reduzida a si e separada da dinâmica da comunhão, a pessoa está estado de perdição. Isto quer dizer que apenas em contexto de relações as pessoas se possuem e encontram a sua plena identidade. Reduzida a si e privada da comunhão, a pessoa fica em estado de inferno.

Vencendo a Lei da Morte...

Seremos tanto mais pessoas realizadas quanto mais os outros tiverem lugar no nosso coração. Na verdade, a pessoa tem a capacidade de eleger os outros como irmãos, para lá dos laços da carne e do sangue. O Espírito Santo é a ternura maternal que anima as relações familiares entre Deus e o Homem. Foi esta a razão pela qual o Filho de Deus encarnou pelo Espírito Santo, a fim de sermos incorporados na Família Divina. É verdade que as pessoas humanas não são iguais às divinas em densidade espiritual e capacidade de interacção amorosa, mas são-lhe proporcionais. É por esta razão que pode acontecer comunhão entre o melhor de Deus e o melhor do Homem.

A nossa identidade pessoal é histórica. Não nascemos feitos ou acabados. O nosso ser exterior mede-se por quilos, densidade das nossas emoções e afectos. Por outras palavras, o homem exterior mede-se pelo ter. O interior, como é espiritual, mede-se pela capacidade de amar e comungar. Na verdade, a pessoa não vale pelo que tem mas pelo que é. A nossa identidade definitiva é espiritual e eterna. A nossa identidade exterior é genética (ADN) e acaba no cemitério. A nossa identidade interior é espiritual é espiritual e consiste no nosso jeito de amar. De facto, dançaremos eternamente o ritmo do amor com o jeito que tenhamos adquirido na história. Com efeito, nascemos para emergir como pessoas livres, conscientes, responsáveis e capazes de amar.

A plenitude da Humanidade acontece mediante a assunção na comunhão divina da Santíssima Trindade. Apenas a nossa interioridade pessoal, por ser espiritual, pertence à esfera da transcendência. Isto quer dizer que o sentido mais profundo da existência humana não é apenas prolongar a vida mortal, mas construir a vida imortal. Dos pais recebemos a vida exterior, isto é, o nível biológico e psíquico do nosso ser.

Por isso temos de renascer de novo pelo Espírito Santo, diz o evangelho de São João, a fim de tomarmos parte na plenitude de Deus (Jo 3, 3-6). Na medida em que a nossa interioridade espiritual emerge, passamos a pertencer à galáxia da vida personificada, cujo coração é a comunhão familiar da Santíssima Trindade. O nosso ser exterior acaba no silêncio da solidão cósmica, tal como as plantas ou animais após a morte. O nosso ser interior, pelo contrário, está chamado à plenitude amorosa da Comunhão Universal. É neste núcleo pessoal e espiritual que habita o Espírito Santo como num Templo, diz São Paulo. A Carta aos Romanos diz que o Espírito Santo é o amor de Deus derramado nos nossos corações (Rm 5, 5).

Construir a Vida com Sentido...

O animal gosta de brincar, mas não é capaz de celebrar, nem tem sentidos para viver. A pessoa humana, pelo contrário, precisa de sentidos para viver e se construir. Por estar a estruturar-se como ser histórico, a pessoa tem a capacidade de associar o passado com o presente e este com planos e sonhos de futuro. Como ser em construção, a pessoa sente-se a caminho de uma meta que se confirma em cada realização que vai concretizando. Por não ser uma pessoa em construção, o animal não tem esta consciência existencial, nem sente um apelo a actuar de acordo com uma série de valores.

Os valores são inscritos na consciência humana em forma de apelos ou convites a agir de modo a que a pessoa se edifique como ser consciente, livre, responsável e capaz de amar. Como precisa de sentidos para viver, a pessoa põe-se constantemente interrogações e porquês, sobretudo nos momentos mais sérios da vida. Quando uma pessoa perde os sentidos básicos da vida, deixa de ter razões para viver. O animal não se põe o sentido da vida como não tem consciência da sua morte.

A questão de Deus pôs-se de maneira irreversível à consciência humana. Na verdade, a consciência universal da Humanidade evoluiu no sentido de se colocar de modo irreversível a questão religiosa. Isto significa que o Homem, no seu todo, intuiu que não estamos a edificar para a morte. À luz da fé cristã, Jesus Cristo trouxe a grande resposta a estas interrogações básicas do Homem. A sua Ressurreição demonstrou aos homens que a morte não é o ponto final da vida e que os seres humanos não estão a caminhar para o vazio da morte. Isto quer dizer que os seres humanos, ao darem o salto de qualidade para a vida pessoal, atingindo as condições para serem assumidos na Família de Deus.
Em Comunhão Convosco
Calmeiro Matias


publicado por Ana Montenegro às 23:41 | link do post | comentar

Domingo, 19.01.14



Hoje continuamos a nossa descoberta em torno da questão "estar em comunhão com..", mas a catequese de hoje teve uma visita muito especial, a Rita, uma menina que este ano celebra a festa da Confirmação e que veio partilhar connosco uma experiência de vida gratificante que teve há uns tempos atrás..


A Rita e o seu grupo de catequese foram visitar um lar de terceira idade e repararam que as pessoas estavam tristes e sozinhas e acharam que seria boa ideia conversar um pouco com elas, ouvir as suas histórias de vida e fazê-las SORRIR ! Foi toda esta experiência que a Rita hoje partilhou com os meninos do terceiro volume que de imediato perceberam que só podia ser Jesus a fazer das suas. Esta vontade de ir ao encontro dos outros, dos que estão sós, esquecidos e frágeis, só pode mesmo ser ideia de Jesus!


Obrigado Rita pelo teu testemunho !


Obrigado Jesus, porque a tua Vida nos mostra que vale mesmo a pena viver ao serviço dos outros :)


publicado por Ana Montenegro às 12:53 | link do post | comentar

Segunda-feira, 13.01.14


publicado por Ana Montenegro às 23:45 | link do post | comentar

Domingo, 12.01.14



Hoje os meninos do 3º volume partiram à descoberta de mais um "enigma": estar em comunhão com...


Através da história de Saulo e da transformação que se deu na sua vida depois de ter conhecido Jesus, descobrimos que Jesus foi o primeiro a ir ao encontro do seu inimigo, daquele que falava mal dele e que queria prender os seus amigos. Jesus foi o primeiro a aperceber-se que Saulo estava cego, que tinha o coração fechado e, por isso, não se dava aos outros, apenas os confrontava e tentava que fossem caluniados.


Mas Jesus não desiste! Jesus nunca desiste e foi ter com Saulo para lhe abrir os olhos do coração que há muito estavam fechados. E aí sim, Saulo descobriu a verdadeira alegria de viver, de anunciar a vinda de Jesus e o seu jeito de viver com os irmãos. E aí sim Paulo começou a Viver em Comunhão com Jesus e com os que n'Ele acreditavam.


No nosso dia-a-dia, muitas vezes, caímos na tentação de sermos como Saulo, de não irmos ao encontro dos inimigos, de não nos apercebermos que às vezes há pessoas cegas que precisam de um empurrãozinho para que o coração se comece a abrir e a ser feliz...


É urgente lembrarmo-nos da Boa Nova de Jesus que vem transformar todas lógicas anteriores.. "Amai os vossos inimigos e orai por aqueles que vos perseguem, para serdes filhos do vosso Pai"...


 


publicado por Ana Montenegro às 12:28 | link do post | comentar

Domingo, 05.01.14


publicado por Ana Montenegro às 16:40 | link do post | comentar

Quinta-feira, 02.01.14

"um olhar de semeador que seja olhar confiante, de grande coragem. O semeador não espreita todos os dias a sementeira, ele sabe que, quer durma ou vele, a semente cresce por si mesma."

 

"um olhar de semeador que seja um olhar esperançoso. O semeador, quando vê despontar o joio no meio do trigo, não se queixa nem fica alarmado. Ele confia na fecundidade da semente contra a tentação de apressar o tempo."

 

"um olhar de semeador que seja um olhar amoroso, desses que sabem como é a fecundidade gratuita da caridade: apesar de a semente parecer desperdiçar-se em muitos terrenos, onde dá fruto dá-o com grande abundância."

 

"O Verdadeiro Poder é Servir " - Jorge Bergoglio, Papa Francisco


publicado por Ana Montenegro às 22:25 | link do post | comentar

" Se a exortação em nome de Cristo tem algum valor, se algo vale o consolo que brota do amor ou da comunhão no Espírito, ou da ternura e da compaixão, rogo-lhes que tornem perfeita a minha alegria, permanecendo bem unidos. Tenham um mesmo amor, um mesmo coração, um mesmo pensamento. Não façam nada por espírito de discórdia ou por vaidade, e que a humildade vos leve a estimar os outros como superiores a vós próprios. Que cada um procure não apenas o seu próprio interesse, mas também o dos demais. " (Fl 2,1-4)



publicado por Ana Montenegro às 21:01 | link do post | comentar

mais sobre mim
Contacta-nos!
Centro.Catequese.Sto.Afonso@Gmail.com
Também podes encontrar-nos aqui:

Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

Hoje, começa uma nova era

Ser próximo é fazer-se pr...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Natal - Dia 26

Advento - Dia 25

Advento - Dia 24

links
arquivos

Junho 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

tags

1.º volume (2014/15)

2.º volume (2014/15)

3.º volume (2014/15)

acção de graças

aniversários

boas notícias da semana

catequeses conjuntas

celebrar aqui... ao entardecer

com afonso

desenhos - geral

férias

festas

festival jota

newsletter

profissão de fé

quaresma 2014 - caminhada de oração

retiro

semanário do 1.º volume (2013/2014)

união

via lucis

via lucis 2013

via sacra 2011

via sacra 2012

via sacra 2013

todas as tags

Nº de visitas:
Website counter
subscrever feeds