Quinta-feira, 29 de Março de 2012

Ensinaram-nos a ter respostas para tudo, mas há alturas em que devemos aceder ao desafio de ter perguntas para tudo.

 

Este ano, é essa a sugestão da Via Sacra: deixarmos que o nosso coração, como os corações dos primeiros discípulos de Jesus, se encha de perguntas, para que Deus mesmo possa dar as respostas.


Portanto, estão todos convidados a, no próximo sábado, dia 31 de Março, às 15h, fazerem um caminho comunitário de quem se deixa pôr em causa.

 



publicado por Luísa Pinto às 18:13 | link do post | comentar

Domingo, 18 de Março de 2012

 

 ...OU A FESTA DOS CORAÇÕES FELIZES...

 

 

Felizes os pobres em espírito??

Sim! Felizes aqueles que têm o coração livre diante de tudo e são disponíveis para com todos!

 

Felizes os que choram??

Sim! Felizes aqueles que experimentam a compaixão como comunhão interior com aqueles que sofrem e são presença consoladora no mundo!

 

Felizes os mansos??

Sim! Felizes aqueles que têm um coração despossuído e livre de desejos de dominar ou mandar nos outros!

 

Felizes os que têm fome e sede de justiça??

Sim! Felizes aqueles que não aceitam ser felizes sozinhos e assumem a causa da justiça universal como uma luta não-violenta contra os motivos e os autores da desigualdade entre os Homens!

 

Felizes os misericordiosos??

Sim! Felizes aqueles que se entregam a casos e causas que lhes fazem revolver as entranhas e correm ao encontro dos mais necessitados com um abraço consolador e libertador!

 

Felizes os puros de coração??

Sim! Felizes aqueles que construem um coração puro e uma mente limpa e não se tornam escravos de leis e regras que moldam o comportamento mas não os tornam mais pessoa!

 

Felizes os pacificadores??

Sim! Felizes aqueles que construem a paz de Cristo, aquela que assenta na certeza de que deixa de ser um problema sermos diferentes quando aprendemos a tratar-nos e amar-nos como iguais!

 

Felizes os que sofrem perseguição por causa da justiça??

Sim!Felizes aqueles que sofrendo pelas causas certas e por isso são perseguidos pelos injustos!

 

Felizes sereis se vos comprometerdes com a construção do Reino de Deus, este mundo inaugurado por Jesus pela dinâmica do Espírito Santo e confiado aos seus discípulos na sua Ressurreição!

 

 

O 7º volume convida todos a meditarem com coragem nesta "carta magna" do mundo ao contrário!



publicado por Rute Santos às 18:36 | link do post | comentar | ver comentários (3)

Segunda-feira, 5 de Março de 2012

Obrigado
Por este dia que passou
Pelos passos pelos voos
E pela vida que há em mim

 

Obrigado
Por essa força ao olhar
Por essa chama que me queima
E pela vida que há em mim

 

Obrigado
Por essa voz que em mim habita
Por essa mão que necessita
De outra mão que saiba amar e ser feliz

Obrigado
Pela estrada percorrido
Pelos exemplos que dão vida
Obrigado pelos dons que recebi


Obrigado
Pela amizade e confiança
Pela saudade e a lembrança
De tudo aquilo que nos marcou

 

Obrigado
Pela presença que não passa
Pela esperança que abraça
E pelo amor que em nós ficou

 



publicado por Sandra Castro às 18:29 | link do post | comentar

Sexta-feira, 2 de Março de 2012

Hoje, queremos partilhar convosco o convite que fizemos a quem pode aparecer para orar a Esperança.

Esperamos que seja um desafio para todos e cada um de nós.

 

Do Evangelho de S. Lucas

Disse Jesus: “Bem-aventurados vós, os pobres, porque vosso é o reino de Deus.

Bem-aventurados vós, que agora tendes fome, porque sereis fartos. Bem-aventurados vós, que agora chorais, porque haveis de rir.

Bem-aventurados sereis quando os homens vos odiarem e quando vos separarem, e vos injuriarem, e rejeitarem o vosso nome como mau, por causa do Filho do homem.

Folgai nesse dia, exultai; porque eis que é grande o vosso galardão no céu, pois assim faziam os seus pais aos profetas.” (Lc 6, 20-23)

 

Nós queremos crer nas palavras de Esperança Jesus, queremos crer que é possível construir um Mundo Novo de irmãos, em que a pobreza, a fome, a injustiça e a perseguição são derrotadas, mas à nossa volta, tanta gente, de tantos jeitos diferentes, diz-nos que:

“Ai de vós, os pobres, porque ninguém vos dará vez nem voz na construção de uma sociedade melhor.

Ai de vós, os que tendes fome, porque o máximo que recebereis dos homens será alguma esmola para o dia, mas não um amor sem limites que verdadeiramente se comprometa convosco.

Ai de vós, os que sois justos e verdadeiros, porque sereis permanentemente enganados, porque a vossa justiça será muitas vezes calcada aos pés dos que mandam e a vossa verdade será muitas vezes calada pelos interesses da mentira.

Ai de vós, quando os poderosos não disserem bem de vós!

Porque quem vive como vós viveis, não pode aspirar a ser feliz…” (Rui Santiago, em “As bem-aventuranças do nosso Mundo”.

 

Só que também há quem nos diga que:

  • Com apenas uns “cliques” podemos ajudar a combater a fome lá longe, no Cambodja;
  • É possível manter uma recolha de bens para sem-abrigos durante um mês, em dois Centros comerciais;
  • Um grupo de cristãos conseguiu recolher quase 1000 colheres de sopa;
  • Em Portugal, já há mais de 100 bancos de voluntariado;
  • Todos os dias, o sofrimento dos que vivem na rua é minorado por gente que sai do seu conforto para se aproximar deles;
  • As recolhas de bens alimentares mantêm-se elevadas, mesmo num país em crise;
  • Aquilo que parecia lixo (papel, tampinhas ou embalagens) é transformado em algo de profundamente útil, como sejam alimentos ou material ortopédico, através da boa vontade de muita gente;
  • Usando as redes sociais e umas quantas mãos e boleias, gente do Interior recebe o que não faz falta a alguém do Litoral e vice-versa;
  • Pessoas que perderam muito são ajudadas por quem, às vezes, pouco mais tem;
  • São criadas condições para que mais crianças tenham acesso a uma educação digna, porque muitas mãos se juntam para o fazer;
  • Crianças são ensinadas a viver sendo quem são e aproveitando o que têm;
  • Pessoas em situação de emergência psicológica encontram quem as escute activamente, quem as trate como pessoas;
  • Os “diferentes” (sejam eles deficientes ou sem abrigo), encontram quem tente dar-lhes um ofício que os ajude a encontrar a justiça e a igualdade;
  • Existe orientação jurídica solidária;
  • Encontram-se maneiras de proporcionar a participação plena na eucaristia a quem não ouve com os ouvidos, mas tem um coração ouvinte;
  • Arranjam-se formas de fazer ter acesso à cultura àqueles que não podem ver com os olhos;
  • São descobertas novas formas de combater a solidão daqueles a quem a família, por diversos motivos, falta;
  • São distribuídos abraços a quem queira ser abraçado e só “porque sim”;
  • Há tiranos que são derrubados por movimentos não-violentos globalizados;
  • Em muitos lugares, a vida humana é valorizada como “território sagrado” que não pode ser violado por vingança ou castigo.

 

E, nós, Pai, em quem queremos acreditar?

No Teu Jesus que nos sussurra palavras de Esperança? Naqueles que, de muitas formas, a partir das suas vidas, nos mostram que o caminho da Esperança é possível?

Ou em todos aqueles que nos dizem que não vale a pena lutar contra a pobreza, a fome física e espiritual, a justiça e o despotismo? Porque, dizem-nos, pobres sempre vai haver, sempre haverá quem tenha fome de pão e de amor, sempre haverá quem seja injustiçado e quem seja espezinhado pelos poderosos…Ir contra isso só se for ficarmos também pobres, famintos, injustiçados e espezinhados…

 

Onde nos queremos situar?

No território desinquietante da Tua Esperança, que não é acreditar num mundo de facilidade, mas lutar pela realização do Teu Sonho, em que tudo é bom, muito bom, porque foi criado pelo Teu Amor? No território da Esperança em que nos comprometemos com aquilo que sonhamos ao Teu jeito?

No território cómodo do desencanto e do desânimo, em que cruzamos os braços, porque não acreditamos que seja possível ir mais além e construir um mundo novo?

 

Bem sabemos que não podemos tudo, que há muitas coisas que não estão sob o nosso controlo, mas não haverá também aquelas que, unidos ao Teu Jesus, podemos fazer?

 

Pois bem, é tempo de cada um de nós entrar no seu quarto mais secreto e, em comunhão Contigo, descobrir como pode tornar-se agente da Tua Esperança. Façamo-lo no abandono de quem sabe que Contigo só corremos o perigo de nos tornarmos mais pessoas, de nos humanizarmos.

  

  • Pai, Tu bem sabes que eu não posso dar uma casa a cada sem-abrigo do mundo, mas posso…
  • Pai, Tu bem sabes que eu não posso terminar com a repressão na Síria, mas posso…
  • Pai, Tu bem sabes que eu não posso fazer com que haja boas colheitas nos países em desenvolvimento, mas posso…
  • Pai, Tu bem sabes que eu não posso obrigar ninguém a amar os diferentes, mas posso…
  • Pai, Tu bem sabes que não posso terminar com os julgamentos encenados que se fazem em tantas partes do mundo, mas posso…
  • Pai, Tu bem sabes que não posso dar de comer a todos os miseráveis do mundo, mas posso…
  • Pai, Tu bem sabes que não posso vestir todos os esfarrapados do mundo, mas posso…
  • Pai, Tu bem sabes que não posso abraçar todos os que estão tristes no mundo, mas posso…
  • Pai, Tu bem sabes que não posso fazer companhia a todos os que estão sós, mas posso…
  • Pai, Tu bem sabes…
  • Pai, Tu bem sabes…


publicado por Micaela Madureira às 23:30 | link do post | comentar | ver comentários (2)

mais sobre mim
Contacta-nos!
Centro.Catequese.Sto.Afonso@Gmail.com
Também podes encontrar-nos aqui:

Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

Hoje, começa uma nova era

Ser próximo é fazer-se pr...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Natal - Dia 26

Advento - Dia 25

Advento - Dia 24

links
arquivos

Junho 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

tags

1.º volume (2014/15)

2.º volume (2014/15)

3.º volume (2014/15)

acção de graças

aniversários

boas notícias da semana

catequeses conjuntas

celebrar aqui... ao entardecer

com afonso

desenhos - geral

férias

festas

festival jota

newsletter

profissão de fé

quaresma 2014 - caminhada de oração

retiro

semanário do 1.º volume (2013/2014)

união

via lucis

via lucis 2013

via sacra 2011

via sacra 2012

via sacra 2013

todas as tags

Nº de visitas:
Website counter
subscrever feeds