Domingo, 27 de Fevereiro de 2011

O que muda a Ressurreição de Jesus nas nossas vidas?



publicado por José Oliveira às 22:56 | link do post | comentar | ver comentários (3)

Bom Deus não há palavras totalmente capazes de descrever aquilo que fazes por mim. Faço asneiras atrás de asneiras, erro atrás de erro, muitas vezes derivados do meu orgulho ou teimosia masTu, ajudas-me a perceber que estes, não podem ser apagados mas em vez disso ultrapassados. Tentas sempre abrir-me os olhos, e nunca me deixas ir abaixo.

Surpreendes-me a cada minuto, e quando menos espero ou mais preciso, Tu vens com aquele Teu jeito de me fazer feliz, sem nunca te esqueceres de mim. És uma parte da base da minha vida.

Obrigada pela família e os amigos maravilhosos que todos os dias estão do meu lado prontos para dizer: “ há sempre algo positivo”, “desistir não é uma opção” que tal como tu me ajudam a encontrar o caminho “certo” a seguir. Obrigada pelos “lacinhos de amor” que todos os dias me ajudas a criar.

Obrigada, por tudo, obrigada também por me teres proporcionado esta magnifica caminhada ao lado destas pessoas espectaculares, pois foi tudo isto que me fez crescer.

 

 Ju Vaz



publicado por Micaela Madureira às 21:22 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Sexta-feira, 25 de Fevereiro de 2011

Porque o Amor é simples,

Vale a pena colhê-lo.

Nasce em qualquer degredo,

Cria-se em qualquer chão.

Anda, não tenhas medo!

Não deixes sem Amor o coração!

 

Miguel Torga (Diário, 1945)



publicado por Ana Montenegro às 10:26 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Terça-feira, 22 de Fevereiro de 2011

Olá Bom Pai.

 

Sabes, ultimamente no nosso grupo de catequese temos falado mais a fundo sobre quem realmente és. Na última catequese até falamos dos deuses que Tu não és, pois é uma boa forma de percebermos que Deus és Tu... aliás, de Te experimentarmos porque tu não és um Deus de se conhecer, és um Deus de se viver. É por isso que hoje vimos aqui agradecer-Te por algo muito especial que Tu trazes à nossa vida, que é a oportunidade de fazermos escolhas. Dito assim isto parece algo muito banal, mas a verdade é que nos apercebemos ultimamente que Tu és um novo caminho que podemos tomar na nossa vida. É como dizia o nosso Mateus no Evangelho: nós podemos só cumprimentar os nossos irmãos, podemos só amar aqueles que nos amam e isso é o caminho que a maioria de nós toma. Não pensamos nos que não gostam de nós nem nos que nos são indiferentes e vivemos felizes assim. Mas Tu trazes-nos a vontade de irmos mais além. Trazes-nos o outro caminho. Trazes-nos a possibilidade e o privilégio de podermos ser ainda mais felizes, amando esses que naturalmente afastamos do nosso coração. Sermos capazes de amar um desconhecido, de amar um “não amigo”, de amar alguém que nos prejudicou ou nos magoou, de amar verdadeiramente, sem espinhas, é algo demasiado extraordinário e fora do normal que só poderia vir deste Deus que é tão extraordinário e fora do normal e que estamos aos poucos, os 6 e toda a nossa comunidade, a descobrir. Como fazer isso? Não sabemos bem. Uns dias as coisas correm bem, noutros não, mas a verdade é que podemos sempre escolher, e jamais nos será fechada essa porta agora que Te descobrimos.

 

 

 

 

7º Volume 



publicado por Ricardo Silva às 17:36 | link do post | comentar

Sábado, 19 de Fevereiro de 2011



publicado por Ricardo Lima às 17:10 | link do post | comentar

Abba, como é bom estar aqui e poder dar-te graças por este grupo, por esta comunidade, por esta verdadeira família que tenho vindo a descobrir. Quando era mais pequeno atiravam-me sem saber para onde, e ia descobrindo coisas fantásticas sobre ti, mas agora olho à volta e já sou eu que dou os meus passos, que faço as minhas descobertas, que procuro os meus desafios e acima de tudo ajudo a descobrir! Como te dou graças Abba por esta família que me ensinou que não é assim tão difícil encontrar-te no dia-a-dia! Às vezes estás à distância de uma pequena oração, ou num sorriso amigo, ou até mesmo escondido ali do outro lado da janela pronto para me surpreender. Como é bom viver neste jeito de descoberta e conseguir dar valor aos pequenos pormenores que colocas na minha vida. Agora os desafios vão sendo cada vez maiores e em vez de te virar costas não consigo parar de te agradecer, porque assim a vida tem outro sabor, porque assim a vida até tem uma nova cor! E um grande obrigado Abba, por esta VIDA com letras grandes que me deste a oportunidade de experimentar e da qual já faz parte de mim e de quem eu sou. Um grande obrigado Abba, por moldares ao teu jeito aqueles que se deixam moldar e pelos segredos que nos contas ao ouvido e nós vamos logo espalhar como crianças pequenas. Obrigado Abba por não parares de mexer com as nossas vidas!



publicado por Ricardo Lima às 17:08 | link do post | comentar

Sábado, 12 de Fevereiro de 2011

A semana passada, deu-se a coincidência de reler o texto do Rui Santiago que hoje partilho e, de cá em casa, haver uma nova máquina de café, daquelas que têm muitas cores de café à escolha.

Ao ler o prospecto descritivo das variedades, não pude deixar de reparar que não só há descafeinados, como até há um de intensidade 2 (o máximo dos cafés é 10). Ou seja, suponho eu (que não bebo café, nem descafeinado) que deve mesmo deixar só um leve travo a café na boca, mas a chávena fica manchada de café...

Há coisas que fazem pensar...

 

A "famosa" Fé desfeínada...

 

Dá-me sempre que pensar, quando alguém à minha beira pede um café descafeinado.

Acho uma invenção muito estranha!
Sabes o que é um café descafeinado, não sabes?
Sabe a café, cheira a café, parece café… mas já não tira o sono.

Arranjámos um modo de ficar na boca com o gosto do café, mas de maneira a que depois possamos dormir tranquilamente.
E quando penso no café descafeinado, lembro-me sempre que se meteu muito esta lógica no cristianismo dos últimos tempos...

Às vezes, parece que não há muito mais do que uma fé desfeinada...
Sabe a fé, cheira a fé, parece fé… mas já não muda nada, não nos transforma, nem transforma à nossa volta. Parece que lhe tiramos muitas vezes a força transformadora e recriadora de corações, como tirámos a cafeína ao café.

Parece que fizemos da Fé um suceder de rituais aprendidos, mas que já não nos põe em casa, não nos faz estar despertos para a Vida, não nos mantém acordados no acolhimento e anúncio da Palavra de Deus e das palavras dos outros.
Às vezes, sentamo-nos num banco de Igreja como numa mesa onde se toma um café descafeinado.
Bebemos a nossa dose, cumprimos o ritual, deixamos nas bordas do coração um travo leve de fé, mas de maneira a que não nos tire o sono, não nos estimule nem desinquiete, de maneira a que não nos possa dizer que temos de mudar!

Depois, costumamos levantar-nos e seguir o nosso caminho, como se nem sequer nos tivéssemos sentado…

 

Rui Santiago

 



publicado por Micaela Madureira às 18:13 | link do post | comentar

Terça-feira, 8 de Fevereiro de 2011

Abba, hoje, em especial, queremos agradecer-te:

pelo Amor que tens por nós, um Amor capaz de tudo;

por nos mostrares o teu lado protector e estares sempre disponível para os teus filhos;

por nos mostrares que com o Amor somos capazes de transformar os nossos corações e o coração de quem nos rodeia;

 

Agradecemos-Te também, Pai, porque através de Ti conseguimos:

ter um sorriso grande;

transformar as nossas VIDAS;

espalhar a Boa Nova que é o Teu Amor.

 

E ainda, um obrigado muito, muito especial pela nossa família e amigos que nos ajudam a ser felizes, e por através da catequese te conhecermos melhor e descobrirmos que contigo Vivemos com Felicidade.

 

Amamos-Te muito, Papá.

 

 

2º Volume



publicado por Vânia Pena às 21:18 | link do post | comentar

mais sobre mim
Contacta-nos!
Centro.Catequese.Sto.Afonso@Gmail.com
Também podes encontrar-nos aqui:

Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

Hoje, começa uma nova era

Ser próximo é fazer-se pr...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Caminhada de Natal - Dia ...

Natal - Dia 26

Advento - Dia 25

Advento - Dia 24

links
arquivos

Junho 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

tags

1.º volume (2014/15)

2.º volume (2014/15)

3.º volume (2014/15)

acção de graças

aniversários

boas notícias da semana

catequeses conjuntas

celebrar aqui... ao entardecer

com afonso

desenhos - geral

férias

festas

festival jota

newsletter

profissão de fé

quaresma 2014 - caminhada de oração

retiro

semanário do 1.º volume (2013/2014)

união

via lucis

via lucis 2013

via sacra 2011

via sacra 2012

via sacra 2013

todas as tags

Nº de visitas:
Website counter
subscrever feeds